O que fazer em Curitiba?

Escrito por Diego Gusava
Atualização: 01/12/2019

A cidade de Curitiba, localizada na região sul do Brasil, encanta logo na chegada.

Limpa, arborizada e extremamente organizada, leva o titulo de “cidade modelo” por bons motivos.

Ela tem fama de ser educada e acolhedora com seus turistas.

Quem vai uma vez à Curitiba certamente vai querer voltar!

Se você está planejando uma viagem para esse paraíso verde, não deixe de ler nosso artigo de hoje até o fim.

Parques mais visitados
Curitiba além dos parques
Informações Úteis
Onde comer?
O que fazer a noite?

Quais o parques mais visitados?

Curitiba conta com mais de 1 milhão de habitantes, o que a torna ideal para todos os públicos de turistas.

Quem procura agito e conhecer pessoas novas, com certeza encontrará na capital paranaense.

Já quem procura sossego, tranquilidade ou passar um tempo apreciando o charme da cidade com a família, também tem opções de sobra.

Mas se você está indo para Curitiba pela primeira vez, separamos alguns lugares imperdíveis.

A maior parte dos locais fazem parte da linha turística de ônibus, ou seja, possuem fácil acesso.

Vamos lá?

Jardim Botânico

curitiba

Por mais que esse seja um dos pontos turísticos mais conhecidos e falados de Curitiba, não poderíamos deixa-lo de fora da nossa lista.

O jardim botânico é um espetáculo a parte e encanta qualquer turista, mesmo em dias chuvosos e nublados.

Sua principal característica é a estufa de vidro, que foi construída para ser lar de diversas espécies de plantas da floresta atlântica.

Sua inspiração é Francesa e o lugar tem um pôr-do-sol incrível para apreciar a dois ou mesmo com a família.

Por lá, vão render muitas fotos incríveis!

Com um tapete de flores que recepciona os visitantes e um visual muito bem organizado e conservado dos seus gramados.

É difícil não se sentir a vontade no Jardim Botânico de Curitiba.

Uma visita obrigatória para qualquer turista que quer saber logo na chegada o que esperar da cidade-modelo!

Parque Barigui

parque barigui curitiba

Ainda no clima de explorar a natureza, o Parque Barigui é uma boa opção para quem deseja conhecer o verde da cidade de Curitiba.

É possível ficar próximo de alguns moradores inusitados, como as famosas capivaras.

No parque, elas são presença garantida e vivem em harmonia com os turistas e frequentadores do parque.

O nome Barigui vem do rio que banhava toda a área.

Ele foi represado no momento da construção e se tornou um belíssimo lago.

Possui um visual que contrasta com os prédios ao redor e com o gramado muito bem conservado do local.

Pistas de corrida, bancos em meio à natureza e trilhas são os pontos fortes do parque, que devem estar no roteiro de qualquer turista.

Por lá, a fauna é riquíssima e, com sorte, o visitante pode encontrar espécies de mamíferos.

Os mais vistos como o sagui e até o famoso Jacaré de Barigui, que foi visto pela última vez em 2013 – mas que ainda pode estar por lá.

Parque Tanguá

parque tangua

O Tanguá foi fundado em 1996 e, desde então, faz sucesso entre os visitantes e os moradores da cidade.

Um parque relativamente novo se comparado com os demais.

A sua área é gigantesca, chegando a quase 235 mil metros, contando com lagos, mirantes e uma cachoeira incrível.

A construção que mais chama atenção é um mirante no topo da cachoeira.

De lá, as fotos ficam impressionantes e o lugar ganha fama de cenário de filme romântico.

O lago aos pés da queda d’água tem uma grande extensão, com uma pista de corrida e uma ciclovia ao seu redor.

O parque foi construído em uma antiga pedreira e é a prova de que para transformar uma paisagem basta boa vontade e planejamento.

Esse passeio está incluso na rota de turismo do ônibus que passa pelos principais pontos. E não é a toa!

Nossa maior dica é que você estenda sua passagem pelo Tanguá até o fim do dia, já que o por do sol lá é um dos mais incríveis da cidade!

Curitiba além dos Parques

Que a cidade tem uma incrível área verde, não podemos negar.

Os parques são os maiores atrativos, por terem lagos, pistas de corrida, espaço para treinos de bicicleta, piqueniques e visuais deslumbrantes.

Porém, não pense que Curitiba só tem os parques para oferecer de bom aos seus visitantes.

A cidade em si é bem charmosa e conta com algumas opções ótimas de passeios. Vamos citar as principais delas:

Museu Oscar Niemeyer

museu oscar

Quer conhecer um lugar diferenciado e que traz cultura e inovação até mesmo na sua construção?

É assim o museu Oscar Niemeyer em Curitiba.

Ele foi eleito um dos 20 museus mais bonitos do mundo e sua arquitetura e formato de um olho chama atenção de longe.

Por dentro, é possível passear por exposições renomadas e apreciar o formato inusitado da construção.

Em dúvidas, este é um dos lugares que devem estar na sua lista de passeios na capital paranaense.

Passeio de Bike pela cidade

passeio curitiba

Se você faz o tipo aventureiro e adora passear de bicicleta, em Curitiba a arte de turistar pode ficar ainda mais divertida.

No centro da cidade, há alguns guias que oferecem o tour guiado, com empréstimo de bikes.

Vale muito a pena se informar no seu hotel sobre essa possibilidade, já que é uma forma de conhecer a cidade de pertinho.

Os passeios costumam ter paradas em pontos turísticos próximos e ainda em alguns cafés para apreciar a culinária local.

Feira de Domingo no lago da ordem

largodaordem

O lago da ordem é um dos pontos turísticos que devem estar no seu roteiro, especialmente se sua estadia for até o domingo.

A partir das oito da manhã, uma feirinha muito simpática encanta quem passa pelo local.

Você irá encontrar artesanatos, decoração e até roupas produzidas pelos moradores.

A pracinha é um charme a parte e vai te dar a sensação de estar no interior de uma pequena cidade.

Antes do almoço, esse é um passeio bem familiar e aconchegante.

Centro da Cidade

centro curitiba

Antes de ir embora, vale a pena passear pelo centro da cidade.

Com uma arquitetura mais antiga, especialmente na rua XV, que fica fechada para carros.

É uma boa maneira de fugir do trânsito, desacelerar e passear a pé por uma cidade nova.

Passeio de Trem entre Curitiba e Morretes

trem curitiba

Sem dúvidas, esse passeio não podia ficar de fora da nossa lista de prioridades.

Se você tem um tempinho extra, não deixe de fazê-lo, pois vale muito a pena.

O trem irá viajar pela serra do mar, em uma viagem de 3 horas com um visual incrível.

Para quem ama a natureza, o trajeto é um deleite entre montanhas, túneis e mata quase intacta.

Já a cidadezinha de Morretes é um presente para o fim da viagem.

Bem simpática e com arquitetura histórica, ela agrada todos os turistas e oferece um verdadeiro mergulho para os anos de 1700.

Casarões antigos, comida típica em restaurantes simpáticos e opções de trilhas em meio a mata virgem são alguns dos passeios possíveis por lá.

Indicamos que você dedique pelo menos um dia todo para essa pequena viagem e guarde a parte da noite para passear pelo centro de Curitiba.

Bairro de Santa Felicidade

bairro santa felicidade

Por fim, nossa dica é que você dê um pulo para almoçar no bairro de Santa Felicidade.

Um autêntico bairro italiano, com ruas de paralelepípedo e charmosos restaurantes.

Ele é um ponto obrigatório para quem quer se sentir em casa e conhecer o melhor da culinária local.

Alguns dos pontos turísticos ficam próximos ao bairro, por isso, será difícil não acabar conhecendo-o nem que seja de passagem.

A dica é separar um almoço ou um jantar por lá, pois vai dar fome!

Ufa! Opções não faltam!

E acredite, para passear em todos esses lugares, alguns dias são suficientes. Falaremos mais disso abaixo.

O importante é selecionar os pontos que você mais gostou e não deixar de visita-los, pois todos eles valem muito a pena!

Informações Úteis para a viagem

Abaixo, algumas perguntas frequentes importantes de serem respondidas:

Qual a melhor época para visitar Curitiba?

Essa é uma pergunta bem comum, afinal, Curitiba fica na região sul do Brasil e pode mudar bastante sua aparência de acordo com o clima.

Já adiantamos, porém, que qualquer época tem suas peculiaridades e o passeio será incrível de todo modo.

Mas se você tem algumas preferências, sugerimos leva-las em conta.

Por exemplo, o verão Curitibano pode trazer chuvas mais pesadas e deixar os passeios nos parques mais complicados.

Se você puder escolher, sugerimos no outono, que é uma estação onde o sol aparece com frequência e as chuvas são mais raras.

Melhor ainda se for possível planejar a viagem para um fim de semana próximo e dar uma checada na previsão do tempo.

Já se você gosta do estilo inverno europeu, Curitiba tem lagos e paisagens que irão combinar com esse clima tão raro no Brasil.

Não importa a época, o importante é aproveitar o que cada estação tem de incrível para oferecer!

Qual o tempo necessário para conhecer Curitiba?

Curitiba tem muitos encantos escondidos e até quem mora por lá pode acabar conhecendo um cantinho perdido em algum bairro.

Mas os pontos turísticos que citamos nesse artigo, em sua maioria, são oferecidos pela linha turismo.

Eles têm uma duração curta, sendo possível conhece-los todos em um fim de semana intenso na cidade.

Obviamente, essa escolha irá depender muito se você quer ficar mais ou menos tempo em um dos pontos turísticos.

Nossa dica é que faça um tour total na primeira visita e volte mais de uma vez para conhecer a fundo aqueles que mais gostou.

Essa é uma boa ideia para qualquer cidade turística, evitando que algum lugar incrível fique de fora do seu roteiro!

Quanto vou gastar, em média, na minha viagem?

Falar em preços quando pensamos em viagens, é um momento onde vários itens devem ser levados em consideração.

Os restaurantes que você irá frequentar, quantas pessoas vão com você e quais os passeios que serão feitos fazem toda a diferença.

Porém, a boa notícia é que Curitiba conta com muitas opções de lazer que são gratuitas, como os parques.

Por ser uma cidade planejada, as linhas de ônibus funcionam muito bem, o que torna a locomoção bem barata e rápida.

Por lá, o trânsito é rápido e engarrafamentos são raros.

Não hesite em aproveitar a boa mobilidade local.

Em relação à passagem, ela dependerá de onde você vem.

Para quem é da região sudeste, ir de avião pode ser bem barato e os preços chegam até a R$ 100,00 nas promoções de linhas aéreas.

Além disso, há ônibus que saem em direção ao sul do país com bastante frequência e são uma alternativa.

Quais as épocas mais baratas para visitar Curitiba?

Ainda falando sobre gastos gerais, precisamos dar algumas dicas sobre as épocas mais baratas para conhecer a cidade e economizar um pouco mais.

Anote aí:

Natal, ano novo e festividades sempre são épocas mais caras para viajar, não importa o destino.

Passagens de avião são mais disputadas e os ônibus podem ficar mais cheios.

Além disso, os hotéis também ficam com tarifas mais elevadas e geralmente fecham pacotes para esses dias.

Carnaval também é uma época que deve ser evitada se você deseja economizar.

A dica é procurar a sua viagem fora dessas temporadas, a não ser que esteja procurando badalação.

Para famílias, o ideal é viajar logo após o carnaval, onde os preços baixam muito e o verão está no final.

Já os demais feriados podem não ter muito impacto no preço de passagens, embora possam aumentar um pouco a diária dos hotéis.

Se você quer passar mais que um fim de semana em Curitiba, essa pode ser uma boa alternativa.

Após o carnaval, o feriado de corpus christi é uma chance boa de passar mais dias viajando sem gastar tanto quanto em épocas de alta temporada.

Como chegar em Curitiba? Economize na passagem!

Como falamos mais acima, nossa dica principal é que você pesquise por passagens mais baratas, caso more muito longe da região sul.

Se mora mais perto, pode optar por ônibus ou até mesmo carro, já que a estrada não é ruim de ser explorada.

Porém, a viagem de avião costuma ser bem em conta em alguns trechos e pode até custar apenas R$ 100,00.

Vale a pena pesquisar e chegar mais rápido para aproveitar cada segundo na sua estadia!

Se for possível, compre sua passagem meses antes, especialmente se for em épocas mais badaladas, como natal, ano novo e carnaval.

Assim, você garante um desconto.

Gastronomia em Curitiba – Onde comer?

Lugares para comer em Curitiba não faltam e há opções para toda a família, que vão desde as mais descoladas até os mais requintados restaurantes.

Separamos uma lista com os locais mais conhecidos e que possuem um preço médio de R$ 100,00. Confira!

Madalosso

Nosso primeiro item da lista é o madalosso, que é um dos maiores restaurantes do país – se não o maior.

Ele está localizado no famoso bairro italiano que falamos mais acima e serve de uto um pouco, como massas e até rodízio.

Vale a pena conhecer pela arquitetura diferenciada, pela fama e pela comida boa!

Bar do Alemão

Saindo um pouco da ideia de comida italiana, o bar do alemão serve exatamente o que o nome propõe: comida alemã de qualidade.

Tem de tudo um pouco, desde comidas típicas até chopps autênticos.

O ambiente é bem rústico e vale a pena para um passeio diferente!

Terrazza

Quer ir em um lugar com vista panorâmica? O Terrazza vai te trazer isso com um menu incrível de comidas típicas uruguaias.

A vista é um espetáculo a parte e traz uma ideia geral da cidade.

Ambiente com mesas de madeira, paredes de vidro e excelente atendimento.

Vida noturna em Curitiba – O que fazer a noite?

No centro da cidade, não faltam opções para turmas se reunirem para conhecer pessoas novas e tomar alguns drinks.

Bares são os principais pontos de encontros antes da noite se estender por algumas baladas espalhadas pela região.

O próprio bar do alemão que citamos mais acima fica bem mais agitado a noite e oferece opções de chopp que agradam a maioria dos clientes.

Para um happy hour, o local é perfeito!

Vamos listar agora as principais baladas que você vai encontrar na cidade, caso queira estender sua noite:

Woods: Sertanejo, show ao vivo e muita animação é tudo que o visitante encontrará nessa balada.

Ela é uma das preferidas dos moradores e uma ótima opção para quem quer conhecer um pouco melhor o pessoal da cidade.

Sheridans Pub: Se você não gosta de sertanejo, não se preocupe!

Esse pub toca rock a noite toda e tem cerveja gelada, boa ambientação e um pessoal animado.

Vale a pena conhecer e estender a noite mais ou um pouco depois de sair dos barzinhos do centro da cidade.

Vox Bar: O vox bar é uma animada casa noturna, que conta com som de DJ e uma galera que marca presença todos os fins de semana.

Abre as sextas e sábados e funciona até de madrugada.

Ótima opção para depois do barzinho e para conhecer os moradores da cidade.

Club Vibe: Quase no mesmo quarteirão, temos o Club Vibe, que toca música eletrônica a noite toda, as sextas e sábados a partir das 23 horas.

Bem frequentado e de ambiente animado, vale a pena conhecer uma das baladas mais conhecidas da cidade!

Conheça Curitiba e se encante!

Com esse guia, ficou mais fácil saber o que esperar de Curitiba, não é?

Não deixe de conhecer os principais pontos turísticos, de ir até os parques, aos museus e não deixe de passear pelo centro da cidade.

Você vai adorar o estilo antigo alinhado com a boa mobilidade urbana e com um centro limpo e bem organizado.

Curitiba é um lugar que vale a pena ser conhecido, mesmo que você tenha apenas um fim de semana. Com certeza, haverá vontade de voltar!

Aproveite e boa viagem!

Depois, não deixe de compartilhar esse artigo com seus amigos! Até a próxima dica!