Categorias
Brasília Distrito Federal

Brasília: Guia completo dos melhores passeios

Brasília não ganhou o título de patrimônio da humanidade pela Unesco à toa.

Brasília no Distrito Federal

A capital federal do nosso Brasil e a sede de governo do Distrito Federal acabou, infelizmente, com uma imagem negativa no país devido aos noticiários políticos.

Contudo, a cidade projetada com o esforço de arquitetos, em especial o Oscar Niemeyer, não merece ganhar a fama dos corruptos de nosso país.

Ela é considerada a maior cidade do mundo construída no século XX e conta com vários pontos turísticos com uma arquitetura impressionante!

Se interessou em conhecer a nossa capital federal? Então, continue lendo, pois fizemos um guia completo dos melhores passeios em Brasília para você realizar!

O que fazer em Brasília

Quando olhada de cima, a parte principal da cidade é parecida com um avião, mas a intenção do Lúcio Costa era que parecesse com uma cruz.

Mas, acabou que Brasília é dividida em Eixos, Asa Norte, Asa Sul assim como um avião.

Portanto, não estranhe quando chegar na capital federal ou quando falarmos por aqui.

Os grandes atrativos da metrópole são as construções projetadas por grandes arquitetos como o Oscar Niemeyer.

Todavia, o Lago Paranoá e o Jardim Botânico também não deixam a beleza da natureza faltar.

Por isso, separamos 11 pontos turísticos de Brasília para você conhecer:

#1 Pontão do Lago Sul

Mesmo que Brasília não possua praias naturais, o Pontão do Lago Sul cumpre bem o papel de ser um local onde os turistas curtem um clima refrescante do Lago Paranoá e um belo pôr do sol.

Pontão do Lago Sul em Brasília no Distrito Federal

Aliás, o lazer no Pontão vai muito além disso.

Entretenimento é o que não falta nos vários restaurantes, bares, quiosques, feiras, exposições, shows, eventos esportivos, parquinhos para as crianças e entre outras atrações que ficam no Pontão.

Só para você ter uma noção da popularidade do local, ele recebe, em média, cerca de 280 mil pessoas por mês.

Não pense que é preciso uma praia para praticar manobras radicais, pois nas margens do Lago Paranoá não é raro ver vários praticantes de wakeboard e de windsurfe.

Enfim, o Pontão do Lago Sul é um dos principais cartões-postais de Brasília e o primeiro na nossa lista.

#2 Catedral Metropolitana de Brasília

Foi com a Catedral Metropolitana Nossa Senhora Aparecida que o Oscar Niemeyer ganhou Prêmio Pritzker em 1988.

Catedral Metropolitana de Brasília no Distrito Federal

Quem determinou que ela deveria ficar em uma praça autônoma foi o Lúcio Costa, pois a intenção era simbolizar a laicidade do Estado fisicamente.

Dessa forma, o Oscar Niemeyer projetou o espaço se inspirando em catedrais antigas com cúpulas enormes.

Ademais, na praça que fica do lado de fora da Catedral Metropolitana de Brasília, há esculturas de 3 m de altura que representam os evangelistas.

Já por dentro, esculturas de três anjos sobrevoam o local, segurados por cabos de aço.

O altar foi doado pelo próprio Papa Paulo VI e as obras do espaço foram pintadas por grandes artistas da época, como o Di Cavalcanti.

#3 Santuário Dom Bosco

Outro grande templo religioso que você precisa conhecer é o Santuário Dom Bosco.

Santuário Dom Bosco em Brasília no Distrito Federal

É provável que você já tenha visto uma imagem dessa capela por aí, porque é um dos cartões postais mais famosos de Brasília.

Enquanto a Nossa Senhora de Aparecida é a padroeira do Brasil, o São João Belchior Bosco é o padroeiro.

As 80 colunas de 16 metros e 12 tons de azul do Santuário Dom Bosco projetadas pelo arquiteto mineiro Carlos Alberto, o fez ser eleito uma das sete maravilhas de Brasília em 2008.

Por dentro, o lustre de 3,5 metros de altura constituído por 7.400 peças de vidro murano em simbologia a Jesus contrastam com perfeição com as tonalidades de azul que rodeiam o lugar.

Em resumo, o Santuário Dom Bosco não pode ficar de fora de seu roteiro de modo algum.

#4 Memorial JK

Em mais um ponto turístico projetado pelo Oscar Niemeyer, o Memorial JK é não só um museu construído para homenagear o Juscelino Kubistchek, mas também conhecer um pouco mais da história do Brasil.

Memorial JK em Brasília no Distrito Federal

O 21º presidente do Brasil foi quem idealizou Brasília e, portanto, merece uma homenagem da cidade.

Uma estátua de Juscelino em um pedestal a quase trinta metros do solo dá as boas-vindas a quem chega no museu.

No seu interior, você conhece toda a história da família Kubitschek, sobretudo, a do presidente.

Ademais, há fotografias do período de construção da capital federal, roupas da época e a representação de cômodos do ex-presidente, como a biblioteca.

No segundo andar, você ainda poderá ver a câmara mortuária, onde os restos mortais estão guardados.

Foi inaugurado oficialmente em 12 de setembro de 1981.

#5 Palácio do Congresso Nacional

Agora, sem dúvida, o ponto mais conhecido de Brasília: o Congresso Nacional.

Palácio do Congresso Nacional em Brasília no Distrito Federal

Ficou comum ver o Palácio aparecendo nos jornais como o cenário da corrupção nacional, mas ao visitar a obra-prima do Oscar Niemeyer, você perceberá que o Palácio nada tem a ver com a situação política do Brasil. 

Na sua estrutura, temos que o edifício principal é usado como a cúpula do Senado Federal e da Câmara dos Deputados.

Enquanto, a cúpula menor serve para abrigar o Plenário do Senado Federal e atrás do edifício principal e entre as duas cúpulas se encontram duas torres de 28 andares, sendo que uma delas pertence à Câmara e a outra ao Senado.

Isso tudo fica localizado na Praça dos Três Poderes.

Praça dos Três Poderes em Brasília no Distrito Federal

O Palácio Nereu Ramo, como também é chamado, é o maior símbolo de Brasília no país e também aparece como a imagem do Brasil no exterior.

#6 Parque da Cidade Sarah Kubitschek

Reconhece esse trecho?

“Se encontraram, então, no parque da cidade A Mônica de moto e o Eduardo de camelo O Eduardo achou estranho e melhor não comentar Mas a menina tinha tinta no cabelo”

Parque da Cidade Sarah Kubitschek em Brasília no Distrito Federal

É da música Eduardo e Mônica da Legião Urbana e foi inspirada em um casal de amigos de Renato Russo que frequentavam com ele o Parque da Cidade Sarah Kubitschek.

Mas, não é só o Eduardo e a Mônica que gostam de frequentar o local.

No fim de semana, ele chega a ter 37 mil pessoas, enquanto em alguns eventos, 80 mil.

É o maior parque urbano da América Latina e desde a sua fundação em 11 de outubro de 1978, milhares de turistas e brasilienses se reúnem nele em busca de lazer.

O ponto turístico junta o trabalho de quatro pessoas:

  • Projeto do Oscar Niemeyer
  • Obra paisagística de Burle Marx
  • Área urbanística de Lúcio Costa
  • Azulejos de Athos Bulcão

É aquele típico passeio que não pode ficar de fora do seu roteiro.

#7 Centro Cultural Banco do Brasil

Oscar Niemeyer aparece na maioria dos pontos turísticos de Brasília e o Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) é mais um deles.

Centro Cultural Banco do Brasil em Brasília no Distrito Federal

Existem centros culturais do Banco do Brasil espalhados por todo o país, no entanto, esse em especial, é um dos mais bonitos.

A instituição cultural foi inaugurada em 2000, mas já é a terceira mais visitada do Brasil e a 38º no mundo.

Ela conta com diversos ambientes a fim de trazer lazer para os brasilienses, através de:

  • Apresentações de teatro e de música;
  • Congressos e seminários;
  • Exposições.

#8 Estádio Nacional Mané Garrincha

Assim como as outras atrações de Brasília, o Estádio Nacional Mané Garrincha deixa de ser apenas uma arena e se torna um ponto turístico devido a sua arquitetura.

Estádio Nacional Mané Garrincha em Brasília no Distrito Federal

O estádio foi inaugurado em 1974 e tinha a capacidade de 45.200 pessoas, contudo passou por reformas em 2013 e esse número subiu para 72.788 pessoas.

Se acaso o dia de sua viagem combinar com um sábado, você poderá fazer uma visita turística no segundo maior estádio do Brasil sem agendamento prévio.

Ademais, o Estádio Nacional Mané Garrincha também é bem reservado para espetáculos, casamentos, formaturas, festas, seminários e eventos institucionais.

#9 Templo da Boa Vontade

Em 1989, o Templo da Boa Vontade abriu as portas para as pessoas que buscam a tranquilidade e se tornou o ponto mais visitado da capital federal.

Templo da Boa Vontade em Brasília no Distrito Federal

É não só considerado o primeiro monumento no mundo dedicado ao Ecumenismo Irrestrito e Total, como também já foi chamado de a maior construção piramidal de sete faces do século XX.

São sete fases (número que simboliza a perfeição) feitas de mármore branco com a Pira Sagrada em frente ao Templo da Boa Vontade representando a Solidariedade Universal e a chama da Fraternidade Ecumênica.

Enfim, o ponto turístico atrai pessoas do mundo todo em busca da autorreflexão e da paz, como os integrantes da banda Guns N’Roses.

#10 Palácio Itamaraty

Como foi criado a fim de apresentar o Brasil aos visitantes estrangeiros, não é para menos que o Palácio Itamaraty tenha uma das arquiteturas mais impressionantes de Brasília.

Palácio Itamaraty em Brasília no Distrito Federal

A sede do Ministério das Relações Exteriores do Brasil reúne obras somente de artistas brasileiros ou naturalizados no Brasil

Certamente, é mais uma obra prima projetada por Oscar Niemeyer com o paisagismo do Roberto Burle Marx.

O bom é que há visitações diárias e gratuitas, mas se lembre de agendar antes.

Ademais, a decoração do Itamaraty foi mantida igual à dos anos 70 e você encontrará um acervo de obras de arte enorme por lá.

#11 Jardim Botânico de Brasília

Não se engane pensando que os pontos turísticos de Brasília só envolvem belas construções arquitetônicas, pois além do Pontão do Lago Sul, o Jardim Botânico de Brasília também possui muito verde.

Jardim Botânico de Brasília no Distrito Federal

A fim de informar o público sobre a natureza, sobretudo a respeito do Cerrado, o Jardim foi fundado em 1985.

Além disso, com os seus 500 hectares dispostos para a visitação do público, o espaço é uma das maiores unidades de conservação em perímetro urbano do Brasil.

Dentro do Jardim Botânico, você pode realizar diversas trilhas, como: a Trilha Mater, a Trilha Labiata ou a Trilha Ecológica.

Sem contar os vários jardins que dão cor ao local, como o Jardim Evolutivo, o Jardim de Cheiros e o Jardim Japonês.

Há ainda coleções de plantas como orquídeas, cactos e samambaias para colorir ainda mais a metrópole.

O que fazer a noite em Brasília

À noite, você também pode visitar os pontos turísticos que falamos acima e se encantar com a bela iluminação do Palácio Itamaraty, por exemplo.

No entanto, se quiser um agito maior, separamos locais para curtir a noite em Brasília.

Talvez você não saiba, mas foram nas noites da metrópole onde nasceram lendárias bandas nacionais como a Legião Urbana, Capital Inicial, Natiruts e muitas outras!

Então, nos 3 barzinhos e casas noturnas que trouxemos, você encontrará uma diversidade de estilos musicais!

#1 Bar Brasília

Em 2001, o Jorge Ferreira junto ao Álvaro Abreu, fizeram uma pesquisa para encontrar os artigos mais raros em centros de lazer do Brasil e abriram o Bar Brasília.

 Bar Brasília no Distrito Federal
@barbrasilia_df

Agora, com quase 20 anos de história, o estabelecimento reúne aparelhos raros antigos, como aparelhos de rádio, lustres e muito mais!

Além disso, você encontra a reunião dos melhores petiscos brasileiros no local, em especial, os famosos bolinhos.

Também é famoso pelo seu inconfundível chopp, já tendo ganhado até uma das suas 14 premiações com ele.

#2 New Mercadito

O New Mercadito é conhecido não apenas pela sua variedade de drinks, como também por ser um dos melhores lugares para curtir a noite em Brasília.

New Mercadito em Brasília no Distrito Federal
@newmercadito

A proposta do espaço é unir um cardápio delicioso a cultura para divertir o público brasiliense.

Assim, ele aposta em drinks coloridos e pratos deliciosos assinados pela chef Leslie Bertoni.

O New Mercadito foi inspirado em bares e restaurantes nova iorquinos e além disso, desenvolveu o projeto Galeria Mercadito com várias obras talentosas dos brasilienses.

Em resumo, se você estiver a noite na capital e quiser se divertir com os amigos, o New Mercadito é o lugar certo.

#3 UK Music Hall

Com toda a certeza, o UK Music Hall é um dos lugares mais recomendados para se divertir a noite em Brasília.

UK Music Hall em Brasília no Distrito Federal
@ukbsb

A capacidade de 250 pessoas é atendida com uma infraestrutura que conta com dois bares, uma iluminação colorida e claro, muita música.

Eles reúnem bandas de rock, blues, pop, soul, metal e de vários outros estilos musicais, além dos DJ’s que mantém a animação da galera.

Além disso, o cardápio de bebidas conta com cervejas importadas, drinks e caipirinhas.

Sem falar nos pratos deliciosos para alimentar o pessoal faminto depois de dançar bastante nos shows. 

Onde comer em Brasília

A nossa capital federal foi construída com o suor de trabalhadores de todo o Brasil, portanto, toda a sua culinária é marcada pela mistura de sabores.

Além disso, são mais de 133 embaixadas do mundo, então, a mistura também é de países e a cidade já é um dos maiores polos gastronômicos do Brasil.

Está sem saber onde comer na cidade? Segue a lista de 5 restaurantes de Brasília para você conhecer!

#1 Coco Bambu Lago Sul

De frente ao Lago Paranoá, está localizado um dos maiores restaurantes do Brasil: o Coco Bambu Lago Sul.

Coco Bambu Lago Sul em Brasília no Distrito Federal
@cocobambubsboficial

A unidade que abriu em 2009 em Brasília é um sucesso por lá e é uma das mais premiadas do país graças a seus pratos com especialidade em frutos do mar.

O restaurante ganhou uma excelente reputação no local por causa de seu ótimo atendimento e pela qualidade impecável dos pratos.

Certamente, o Coco Bambu Lago Sul é um lugar para não se arrepender de ir comer.

#2 Nazo Sushi Bar Sudoeste

Se você ama comida japonesa, então, não deixe de visitar o Nazo Sushi Bar Sudoeste.

Nazo Sushi Bar Sudoeste em Brasília no Distrito Federal
@nazosushibar

Tudo no restaurante é feito com o maior zelo para que você tenha a melhor experiência possível, desde a escolha dos ingredientes até a decoração do lugar.

Portanto, não só a apresentação dos pratos e a qualidade da comida é impecável, como também o atendimento é excelente.

#3 Taypá Sabores Del Perú

A culinária peruana ainda é pouco conhecida no Brasil, mas o Taypá Sabores Del Perú apresenta o melhor dela para a gente.

Taypá Sabores Del Perú em Brasília no Distrito Federal
@taypadelperu

O Peru é famoso por colocar nos pratos diversas espécies de peixes e pela junção dos mais variados ingredientes de outros lugares do mundo.

Assim, você pode experimentar alguns pratos típicos do Peru. como:

  • Ceviche
  • Norteño
  • Suspiro de Limeña

Ademais, o restaurante não decepciona no atendimento e possui um ambiente bem agradável.

#4 Caminito Parrilla

 Já falamos da culinária peruana, agora é a vez de experimentar a dos nossos hermanos na Caminito Parrilla.

Caminito Parrilla em Brasília no Distrito Federal
@caminito_parrilla

Primeiramente, a decoração do lugar com cores vibrantes e um varal de lâmpadas no teto vai te encantar logo de cara.

Em seguida, a música latina tomará conta dos seus ouvidos e você poderá escolher no menu algum dos vários pratos preparados pela renomada chef Paula Labaki.

A dica é conhecer a parrilla argentina, a especialidade do local.

O Caminito Parrilla é bem elogiado pelo seu atendimento e pela qualidade dos pratos.

#5 Mangai

O Mangai, assim como o Coco Bambu é outro restaurante que possui diversas unidades pelo Brasil, mas que a de Brasília se destaca bastante.

O estabelecimento inaugurou em 2008 com uma estrutura enorme que o fez ser eleito o melhor restaurante do Brasil no mesmo ano.

Assim, ele seguiu sendo considerado um dos maiores e mais bem estruturados restaurantes do país.

Todo esse reconhecimento é bem entendível, afinal, o Mangai coloca nos pratos todo o sabor da comida brasileira e não deixa nem um pingo a desejar no seu atendimento.

Quando ir a Brasília

Anualmente, mais de um milhão de visitantes vão à capital do Brasil a fim de conhecer os pontos turísticos que falamos acima.

No entanto, fica a dúvida: qual é a melhor época do ano para viajar a Brasília?

Quando ir a Brasília

O local é um daqueles destinos que podem ser visitados o ano inteiro, porque apresenta baixa umidade na maior parte do tempo.

A questão é que o clima fica muito seco em algumas épocas do ano.

Assim, os melhores meses considerados para visitar Brasília é maio, junho e julho.

As temperaturas nessas épocas estão mais amenas e agradáveis, ficando em uma média de 18 ºC a 25 ºC.

Ainda assim, se você não está acostumado com o clima seco, leve o seu protetor solar e carregue sempre uma água consigo.

Geralmente, ocorrem queimadas devido ao clima muito seco em setembro e outubro.

O nariz de muita gente chega até a sangrar nessa época, portanto, se você tiver problema de respiração, evite ir nesse período.

Como Brasília é cheia de nordestinos, diversas festas juninas se espalham pela capital e você pode chegar a curtir até um forró em junho.

Ademais, a capital brasileira se mantém com o clima aberto e lindo na maior parte do ano.

Como chegar a Brasília

Não há dificuldade alguma em chegar a Brasília, afinal, ela é a capital do Brasil e ainda foi projetada da melhor forma possível por grandes arquitetos.

Como chegar a Brasília

Então, confira as 3 formas principais de chegar a Brasília:

#1 Avião

O Aeroporto Internacional de Brasília é o terceiro maior do Brasil e um dos mais movimentados também.

E se acaso você já sofreu com atraso de voo, vai gostar de saber que ele foi apontado como terceiro mais pontual do mundo pela consultoria de aviação internacional OAG.

Recebe e faz voos para todas as regiões do Brasil, além de realizar viagens para diversos países como Lisboa e Estados Unidos.

Possui uma infraestrutura excelente a fim de atender as necessidades da média de 54 mil passageiros que passam por lá diariamente.

#2 Carro

As principais vias de acesso à Brasília de carro dependem do seu ponto de referência.

Por exemplo:

  • Rio de Janeiro e Belo Horizonte: BR-040
  • São Paulo: BR-050 e depois a BR-040
  • Goiânia: BR-060

Portanto, o ideal é consultar no mapa quais são as melhores rotas!

#3 Ônibus

A nova estação rodoviária interestadual de Brasília foi inaugurada em 2010, recebe rotas de ônibus de cidades de quase todos os estados brasileiros e possui mais de 40 empresas prestando serviços.

Conclusão

Agora, fica fácil entender o porquê deste trecho da música de Faroeste Caboclo:

“Dizia ele estou indo pra Brasília, nesse país lugar melhor não há…”

João de Santo Cristo se apaixonou por Brasília assim que saiu da Rodoviária e você também vai se apaixonar.

Gostou? Caldas Novas fica só a 4 horas de Brasília e acho que você pode gostar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  +  33  =  38